loader

Como a endometriose afeta a vida sexual

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

(Foto: Pixabay @Foundry)

Talvez o jeito mais fácil de explicar a endometriose seja “uma menstruação retrógrada”. O endométrio é um tecido fininho que envolve o útero. Em condições normais, quando a fecundação não acontece, ele descama e acaba expelido do organismo da mulher. Na endometriose, essa mucosa vai “grudando” em outros órgãos, como trompas e bexiga.

Cerca de seis milhões de brasileiras se contorcem literalmente com o problema. Entre os sintomas, cólicas surreais e paralisantes, além de alto índice de infertilidade. Uma pesquisa da ginecologista Flávia Fairbanks, publicada pela Universidade de São Paulo (USP), jogou luz sobre uma questão ainda tabu – como a endometriose afeta a vida sexual dessas mulheres.

Foram analisadas 583 participantes, divididas em dois grupos: COM e SEM a doença. Entre as pacientes sem endometriose, 17,6% apresentaram disfunções sexuais. O número é bem maior entre aquelas com endometriose: 43,3%. Dor no sexo é a maior queixa destas mulheres. Entenda melhor quatro fatores que afetam a sexualidade delas.

  • Indisposição

As cólicas de quem sofre com endometriose são muuuuuito mais intensas do que aquelas pontadas conhecidas da maioria das mulheres no período (pré) menstrual. É quase sempre persistente e incapacitante: dificulta ou mesmo a impede de trabalhar e executar tarefas do dia a dia. Elas costumam sentir dores de cabeça e abdominais, fadiga crônica, náuseas, pesos nas pernas, diarreia… Ninguém consegue ficar com tesão nessas condições.

  • Dor na penetração

Qualquer mulher que não está suficientemente excitada e lubrificada, sente incômodo/dor com a penetração. Os músculos pélvicos não relaxam pra permitir a entrada do pênis que, além disso, provoca atrito seco na mucosa vaginal. A situação é muito pior entre aquelas que sofrem de endometriose. O pênis fica “batendo” no fundo do canal vaginal, justamente em contato com as regiões inflamadas.

  • Baixa libido

Se sexo é sinônimo de dor, em vez de prazer/orgasmos, quem tem vontade de repetir? É bem comum que a mulher se sinta frustrada, angustiada, irritada, triste e deprimida. Não à toa, o desejo sexual diminui e ela passa a evitar as relações com o parceiro. Nem todos eles são compreensivos com a situação, nem sempre existe intimidade e diálogo aberto… Se o casal fica distantes física e emocionalmente, a vida conjugal abala mesmo.

  • Infertilidade

Cerca de 30% a 40% das mulheres com endometriose são inférteis. Muitas convivem com a doença há muito tempo e só descobrem quando encontram dificuldades para engravidar. Esse diagnóstico tardio é determinante porque, entre outras coisas, as trompas (órgão que conduz o óvulo ao útero) já podem estar comprometidas. Além disso, a quantidade de óvulos também é menor e eles são menos eficientes. As chances de engravidar podem aumentar depois de um tratamento cirúrgico. Procure um ginecologista!

***Este post foi originalmente publicado na coluna da Nath no Yahoo.

*Você pode COMPRAR creminhos / brinquedinhos eróticos com desconto AQUI

*SIGA PIMENTARIA:

– Facebook/napimentaria

– Instagram @pimentaria

– Twitter/napimentaria

– Youtube/napimentaria

Source link

قالب وردپرس

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.